Cada português perdeu 41 mil euros com a introdução do euro

A Alemanha foi o país que mais beneficiou desde 1999. Itália e França também registaram perdas significativas no PIB per capita. A Comissão Europeia considera que as conclusões deste estudo de um “think-tank” alemão são enganadoras.

Nos 20 anos desde a entrada em vigor da moeda única europeia (1999), cada português ficou cerca de 41 mil euros mais pobre, de acordo com um estudo publicado online pelo do “think-tank” alemão Centre for European Policy.